quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

M A

Não sei se já falei aqui desta peça de cortiça com mais de 60 anos. Era o tapete - tipicamente alentejano - do quarto da minha mãe, feito a pedido do meu avô. As iniciais e as flores eram pintadas mas o tempo apagou a cor. Não é fofinho como um tapete comum mas é macio e nunca está frio. Hoje mora lá em casa.

3 comentários:

  1. muito gira, adoro essas coisas antigas, ando sempre à cata de coisas assim. há gente que deita estas coisas fora...

    ResponderEliminar
  2. e ainda por cima a cortiça voltou em força no design actual! :)
    tás super fashion

    ResponderEliminar